Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

27
Mai09

26-05-2009

Hoje foi um dia atribulado.

 

O médico passou-me as análises ontem e como não estava em jejum vim hoje fazer. Levantei-me tarde mas não é problema, acho que as análises nem sequer fecham, mas pelo menos até às 13h estão abertas. (Estou a falar das análises no Hospital). Durante a noite senti frio e quando acordei medi a temperatura e estava com 37,1ºC. Ignorei, penso que é uma temperatura anormal e devida a ter dormido 10h seguidas depois de um fim de semana sem descanso decente. Já era meio dia quando lá cheguei, e tudo correu bem, a senhora que tirou o sangue tinha bastante jeito, só senti uma picadinha pequenina ao entrar e ao sair da seringa, nada mais!! Entretanto já era uma da tarde e eu ainda não tinha comido nada. Obviamente fui comer!!

 

E foi aí que começou o meu tormento, estava esfomeado, pedi febras grelhadas com batatas fritas e alface (pensava que em vinha com arroz ao invés de vir com batatas fritas, mas paciência) e ice tea de manga maracujá. Enquanto esperava pela comida bebi o ice tea. Comi sensivelmente metade das febras e subitamente fiquei sem fome e senti-me bastante enfastiado. Não consegui comer mais, pensei que estranho que é estar com tanta fome e ficar cheio tão depressa. Um pouco mais tarde comecei a ficar bastante mal disposto, dormi um pouco à tarde e a má disposição passou.

 

Tinha combinado ir para Évora com a minha namorada, e como sou (às vezes :P) um homem de palavra, rumei a Évora. E pelo caminho já estava com um pouco de fome por isso passamos pelo McDonnalds, que fica no caminho. Comi um McChicken. E voltei a sentir-me mal disposto pouco tempo depois. Saí das nacionais e entrei na auto-estrada para chegar mais depressa. A má disposição foi aumentando, e só desejava chegar a casa.

 

Quando cheguei a casa fui directo à casa de banho, mas não tinha nada para fazer, nada que me aliviasse a barriga. Fui dormir, bem, fui tentar dormir, as dores foram aumentando e a má disposição também. A minha namorada fez-me um chá, sabendo ambos que após beber só havia um desfecho. Só consegui beber o chá até meio e umas horas mais tarde dei mais três golos. Foi a gota de água que fez transbordar o copo, vomitei tudo cá para fora, e vomitei mais do que o hamburguer, suspeito que parei a minha digestão, vomitei imenso e agora já me estou a sentir melhor, por experiência própria sei que ainda não acabou, de todas as vezes em que isto me aconteceu vomitei sempre mais umas vezes, a ideia não me agrada, mas vomitar ajuda muito. Devia ter provocado o vomito mais cedo, mas não sei se me compreendem, vomitar é mau, e no estado em que estava parece que custa ainda mais, é mau ser assim, mas vomitar é sempre a minha ultima opção.

 

(passadas umas horas...)

 

São agora quatro da manhã, acordei com dores na barriga grandes o suficiente para não conseguir dormir, tentei beber chá para vomitar como antes mas não teve grande efeito, acabei por induzir o vomito manualmente, encostar qualquer coisa bem no fundo da garganta... Voltei a vomitar uma substância verde, será a cor normal das coisas no estômago? Vomitei pouco, até porque o corpo não parecia querer vomitar e estava tudo liquido, não tinha nada pelo meio.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.