Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

22
Abr09

22-04-2009

Como tenho passado? Voltei a ter dores, parece que acontece sempre que me aproximo das duas semanas desde a ultima injecção, se calhar devia tomar a injecção com um pouco mais de frequência, bastava tomar 3 dias antes e já fazia toda a diferença.

 

Ainda não consigo dar a injecção sem ficar nervoso, com adrenalina, fico com as mãos a tremer, espero que com o passar do tempo consiga dar com mais calma. A dor da injecção continua a ser grande, a nossa barriga é um sitio sensível???

 

Também tenho medido a temperatura e não voltei a ter febre.

16
Abr09

16-04-2009

Já passou uma semana e um dia desde a ultima dose de humira. Neste momento não tenho dores nenhumas e sinto-me mesmo muito bem! O fim do antibiótico na terça feira fez-me bem. Estou a dormir bem e profundamente, e sinto-me com energia, não tenho ar pálido e aquele sentimento ligeiramente deprimido passou. Talvez estes dias de sol estejam a ajudar 

 

Também tenho medido a temperatura, depois daquele susto não arrisco. Os valores situam-se entre os 36,3ºC e os 36,6ºC! Muito boas noticias  é de notar que antes do humira nunca tinha a temperatura abaixo dos 36,6ºC. Não sei o que isto quer dizer, mas fica aqui anotado para a posteridade. 

12
Abr09

Ponto de Situação

A pergunta a fazer neste momento é: como estou eu? e a resposta é: não estou lá muito bem.

 

A dor de barriga está gradualmente a aumentar, deixei de tomar um dos medicamentos que o médico me receitou (como já tinha dito no post anterior) e sinto-me muito melhor, já não estou a dormir em pé, passou aquela má disposição constante com que eu estava. Por outro lado a febre também passou por completo.

 

O que me preocupa agora é que a dor de barriga não passou e está a aumentar lentamente. Não estou com cólicas como era costume, estou com aquela dor esquisita que nem consigo sequer explicar bem como é, mas que está lentamente a aumentar e suspeito que chegue ao ponto em que estava anteriormente. Estou preocupado, e preocupação trás dores de barriga para quem tem Doença de Crohn. Bem, não estou só preocupado, estou muito preocupado!!! Se se confirmar que estou com um abcesso na barriga tenho de ir à faca! Ninguém morrer numa operação tão simples como esta e onde, pelo que li na internet, pode ser feita com com sondas em vez de me abrirem todo. É tudo especulação, não percebo nada de medicina por isso não sei como é a operação mas é certamente algo fácil, para um cirurgião ^^. Ainda assim fico preocupado, principalmente com a faculdade, eu vou ter um teste na proxima quarta feira e pelo andar da carruagem não vou conseguir estudar até lá, e depois tenho mais não sei quantos trabalhos de grupo para fazer, em que infelizmente tenho pessoas a depender parcialmente de mim, não quero deixar ninguém pendurado!

 

É verdade que não estou a ver a possível gravidade da situação, ter de ser operado não é bom! Mas lá está, também não sei se é mesmo por operação que se tiram os ditos abcessos. No meio de tanta incerteza e falta de informação fico bastante preocupado, sei que não me sinto bem e sei que não gosto de sentir isso. Não lido bem com a minha própria fragilidade...

10
Abr09

Ponto de situação

Vamos lá então ver como estou:

 

1º Deixei completamente de ter febre, a temperatura oscila um pouco durante o dia mas não passa acima dos 36,6ºC. Bom Sinal!

 

2º As dores de barriga deixaram de ser muito grandes, e ontem até nem tinha, mas hoje estou com um pouco de cólicas, será dos medicamentos?? Está nos efeitos secundários...

 

3º Sinto-me muito mal! Tenho quase a certeza absoluta que estes medicamentos não me fazem nada bem! Eu explico, continuo todos os dias a viver numa espécie de letargia constante, hoje por exemplo dormi o dia todo! Deitei-me à meia noite porque tinha de tomar o antibiótico, às 8h acordei para tomar o flagyl, depois voltei para a cama. Às 12h acordei de novo para tomar o antibiótico, e depois estive um pouco na sala até às 16h em que tomei o Flagyl e depois fui de novo para a cama e dormi a tarde toda. No final disto tudo acordei um pouco antes do jantar mas sempre com uma soneira enorme, estou sempre com uma sonolência enorme, é horrível.

 

Entretanto mandei mensagem ao meu médico a dizer que estou melhor da febre e das dores de barriga, se posso parar com esta medicação. Se ele me disser que não, vou continuar morto vivo até Terça Feira. :(