Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

13
Out12

HC: Élia Moura

Nome:
Élia Moura
 
Idade actual:
35
 
Em que idade é que apareceu a doença de Crohn (DC)?
25
 
Como é que a doença se manifestou no início, tem familiares com DC?
A doença apareceu quando foi diagnosticado cancro à minha mãe, e os sintomas eram de uma gastroentrite. Muitas dores de barriga, inchada e diarreias. Tenho só o meu pai com colite ulcerosa.
 
Depois de lhe terem explicado que a doença era crónica, qual foi a sua reacção?
Por uma lado fiquei aliviada por não ser algo mais grave. Não reagi mal.
 
Quais as restrições que a doença causa à sua vida?
Nos momentos de crise não me sinto bem sair de casa por causa das idas à WC, e não me apetecer convier com ninguem. Quando estou bem ou medicada não há restrinções.
 
Que alterações teve no peso?
Emagreco quando tenho crises e engordo mt quando tomo cortisona...
 
Que medicação é que já teve de tomar? Que efeitos secundários tiveram esses medicamentos (se tiveram), no seu corpo? Actualmente, ainda precisa de controlar a doença com alguma medicação?
A alimentação sem dúvida que tem influência, não como carne de porco, tenho optado por comer mais peixe, legumes, mas a mim os brócolos e ervilhas não me fazem muito bem. Todos os anos tenho tido crises, mas ultimamente não consigo prever. Desde 2007 ano em que nasceu a minha filha as minhas crises têm sido bem mais brandas.Ja tomei cortisona - faz inchar, engordar e perder muito cálcio, imuran - reduz as defesas e aquando da vacina do tétano aparece-me um ganglio debaixo do braço e já lá vai um ano e não desaparece, dizem-me que foi do imuran, salofalk grânulos, omeprazol - para ajudar a proteger o estômago, entre outros que de momento. Já tomei mais alguns que não me recordo. De momento não estou a tomar nada desde Maio...
 
 
Surgiram outros problemas de saúde relacionados com a DC?
Problemas no estômago, princípios de osteoperose, dores nas articulações, câimbras.
 
Já foi sujeito a alguma intervenção cirúrgica devido à DC? Se sim, que intervenção foi essa e durante quanto tempo esteve bem, depois teve de continuar a tomar medicação?
Nunca.
 
Há quem defenda que existe uma relação entre o estado psicológico do doente e a própria doença. Concorda? Até que ponto tem impacto na sua vida?
Concordo. Não costumo revelar a muita gente que tenho uma doença crónica
 
E a família e os amigos, apoiaram-no? Considera esse apoio fundamental?
Tive o apoio de todos, e foi muito importante.
 
Sentiu algum preconceito das pessoas relativamente à doença?
Algum, uma vez disse a alguém que tinha de ir ao IPO fazer uns exames e olharam-me de lado como se tivesse algo contagioso
 
Se tem que viajar como faz?
Quando não tou em crise, vou na boa mas tenho cuidado com a alimentação e água.
 
Por fim, que mensagem deixaria a todos aqueles que têm DC e que, ora por inexperiência a lidar com a doença, ora por falta de força, vacilam?
Todos temos momentos, ou fases boas e outras menos boas e por vezes é difícil ultrapassar uma daquelas crises que nos deita abaixo, mas temos de tentar ter sempre pensamento positivo e que há sempre pessoas com doenças muito piores que as nossas. Não devemos ter vergonha de sermos doentes crónicos.

 

Voltar a Histórias de Crohn

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.