Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

Blog Vencer a Doença de Crohn

Blog que acompanha a evolução da (minha) doença de Crohn, e que aborda temas/assuntos relativos à doença.

21
Jan11

"Férias" de exames

Bom dia a todos 

 

Lá arranjei algum tempo para vos falar da minha vergonhosa passagem de ano e de como vai a vida.

 

Falemos da minha passagem de ano. Tudo começou com o facto de ter acordado tarde nesse dia. Tive de ir cortar o cabelo a Lisboa (estava na moita). Quando voltamos tivemos de ir às compras antes que se acabasse o açúcar, ovos e afins. O tempo foi passando e depois tive de ir buscar umas pessoas, pelo caminho ainda me perdi! Ou seja, cheguei a casa às 19h e ainda não tinha comido nada a não ser meia dúzia de bolachas..

 

 

Veio o jantar e para beber tínhamos sangria. Pois bem, jejum o dia todo, ainda comi algumas coisas, mas 4 copos depois de uma sangria que nem estava muito forte e já eu estava bêbedo. Mais dois copos depois de comer mais um pouco e desgracei-me por completo. Escusado será dizer que não festejei a passagem de ano porque já estava num estado lastimável. Para piorar esta brincadeira a minha alimentação maioritariamente vegetariana deixa-me mais permeável a substâncias como o álcool, também sou magrinho e não estou habituado a beber. Parecia que os planetas se tinham alinhado todos para culminar na desgraça do Zé Miguel (eu).Depois vem a cena do costume, anda-se de um lado para o outro, fala-se demais, fala-se alto, fazem-se coisas parvas e trama-se a vida a todos os outros que não estão bêbedos.

 

Depois vomita-se, fica-se muito melhor e está na hora de ir dormir. Foi certamente a passagem de ano mais deprimente que já tive!!! A seguir na lista das deprimências vem aquela vez em que passei a dormir porque estava com uma febre enorme (crohn).

 

Não me orgulho do que se passou, fiquei chateadissimo  e fica aqui escrito o testemunho em como isto não voltará a acontecer! Pelo menos fiquei a saber os meus limites. Já sei quando estou bêbedo ou e não, e por isso sei quando parar antes de começar a desgraça..

 

 

 

Curiosamente toda esta história não teve efeito nenhum na minha barriga e no dia seguinte estava óptimo, fui o primeiro a acordar e a começar a arrumar as coisas. Entretanto tive que fazer uma quase directa de 2 para 3 de Janeiro. A barriga também não acusou muito o toque, talvez por me estar a alimentar bem. Depois veio o exame de TM, e a seguir o de Electrónica Geral em que também só dormi 3 horas. E a partir daí a barriga ficou um pouco mais tremida, não dormir o suficiente tem um efeito muito negativo na minha barriga . Nos dias seguintes não tenho dormido muito bem, mas também não estou propriamente mal da barriga, não tenho dores mas tenho noção que podia estar melhor. A pessoa consegue sentir o crohn a acordar, dormir mal, sonolência e cansaço são os principais sinais, para não falar das idas à casa de banho...

 

 

 

Agora fiz mais um esforço para um relatório de um trabalho prático e meter o turbo para as três cadeiras que faltam fazer. Avizinham-se dias complicados, por isso provavelmente não vou estar presente aqui no blog, as minhas sinceras desculpas. Pelo menos serve de consolo o facto de me andar a esforçar verdadeiramente, tenho conseguido estudar em casa (inédito). E estou bastante motivado para fazer o curso. Veremos se me consigo manter no bom caminho a todos os níveis .

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.